Skip to content

Riscos em remover uma tatuagem: Conheça os principais fatores que podem afetar sua remoção

Riscos em remover uma tatuagem: Conheça os principais fatores que podem afetar sua remoção

Há muitos motivos que fazem uma pessoa desgostar de sua tatuagem e tome a decisão de removê-la. Talvez pelo desenho mal feito, mudança no estilo de vida, nome de ex-namorado(a), por trazer lembranças ruins e que gostaria de ser apagada, enfim.. são inúmeros os motivos.

E com o avanço contínuo da tecnologia e de métodos de remoção de tatuagem, hoje em dia já é possível remover completamente o desenho da pele. Embora existam diversos métodos para remoção de tattoo, o laser é a técnica que remove o desenho com segurança, eficiência e, além do mais, sem grandes riscos de deixar cicatrizes.

Mesmo assim, pessoas que pretendem tirar uma tatuagem através do laser, devem considerar os benefícios e os riscos em remover uma tatuagem a laser – isso lhes permitirá tomar a melhor decisão para o seu caso. Continue a leitura e entenda quais são os fatores que determinam um resultado satisfatório e quais os principais riscos que envolvem o procedimento.

O que é remoção de tatuagem a laser?

Remoção de tatuagem a laser é um procedimento que usa lasers de alta potência que penetram na pele e são capazes de quebrar as partículas de tinta que compõem o desenho. Há diversos tipos e modelos de lasers que podem ser utilizados para remover tatuagens, cada um deles para determinada cor de tinta.

O sucesso absoluto da remoção de tatuagem a laser dependerá das características da tatuagem e da pessoa. Não podemos afirmar quanto tempo e quantas sessões são necessárias para alcançar a remoção completa, mas, geralmente, é preciso de 6 a 12 sessões, embora até 20 sessões sejam necessárias em alguns casos.

O número de sessões necessárias varia de acordo com alguns fatores, sendo eles: o tamanho do desenho, a área, as cores que formam a tatuagem, idade da tatuagem e muito mais.

Fatores que determinam o resultado e os riscos da remoção a laser

Para um resultado satisfatório você precisa entender que há alguns fatores que o determinam estes riscos. São eles:

  • Tamanho do desenho tatuado: quanto maior for a área tatuada, maior são as chances de a tinta residual permanecer visível (ou seja, ficar uma sombra da tatuagem na pele).
  • O tipo de tinta utilizada: tintas novas são mais duradouras e mais difíceis de serem fragmentadas.
  • Tatuagens profissionais contra amadoras: tatuagens profissionais utilizam tinta mais duráveis e que são depositadas em camadas mais profundas da pele, portanto são mais difíceis de serem removidas. Tatuagens feitas por amadores são mais simples de serem removidas por que o pigmento fica superficial na pele.
  • Cor da pele: pessoas com pele clara tendem a ter melhores resultados no tratamento, já pessoas com tom de pele mais escuros necessitam de um pouco mais de atenção e cautela do profissional.
  • Idade da tatuagem : tatuagens antigas, com mais de dois anos, podem ser mais fáceis de serem removidas, pois o organismo já começou a destruir naturalmente os pigmentos.
  • Cicatriz : Desenhos feitos em cima de tecidos cicatriciais podem tornar a remoção mais difícil.

Quais são os riscos em remover uma tatuagem?

Assim como em qualquer processo cirúrgico ou estético, existem riscos associados com cada um dos métodos de remoção e, principalmente, se o pós-tratamento dado pelo médico não for seguido à risca, poderá ocorrer:

  • cicatrizes (quelóides) permanentes
  • Infecção no local tratado
  • A tatuagem não será removida completamente (ficará um fantasma do que era a tatuagem)
  • Hiperpigmentação ou hipopigmentação

Considerações de remoção de tatuagem

Carregar consigo uma imagem indesejada, mal feita e que já não representa o mesmo significado de antes para você, é algo que pode causar muito desconforto e prejudicar a sua auto-imagem. Felizmente, as técnicas de remoção de tatuagem podem acabar com essa trama, mas saiba que há custos físicos e financeiros.

Converse com um técnico de laser ou dermatologista e decidam juntos qual o melhor método de remoção para você, pergunte sobre as vantagens e os riscos em remover uma tatuagem que cada técnica oferece. Se preferir, pesquise em duas ou três clinicas e escolha a que melhor atendeu as suas necessidades.

Para obter resultados satisfatórios, você precisa escolher um profissional qualificado e este irá instruí-lo um pós-tratamento de remoção de tatuagem adequado e, se for necessário, prestar apoio caso haja complicações.

E então leitor, o que achou do conteúdo? Conseguimos tirar suas dúvidas sobre os riscos em remover uma tatuagem? Se ainda houver, deixe o seu comentário. Siga-nos nas redes sociais e fique por dentro de tudo o que acontece aqui no RemoverTattoo.

Riscos em remover uma tatuagem: Conheça os principais fatores que podem afetar sua remoção
15 votes